Se beber, não dirija! Fevereiro 25, 2020 | Cláudia

Se beber não dirija -  a multa aumentou e você ainda pode responder por um crime.

A infração de dirigir sob a influência de álcool ou outra substância entorpecente é de amplo conhecimento público e tema de diversas campanhas governamentais. A mesma é descrita no artigo 165 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), e é considerada como infração gravíssima, tendo como penalidade multa de 10 vezes o valor da referida infração, e mais a suspensão do direito de dirigir por 12 meses.

O mencionado artigo do CTB também prevê aplicação de medida administrativa de recolhimento do documento de habilitação e retenção do veículo.

Para o caso de reincidência, a multa pode ser aplicada em dobro.  O valor da multa é definido pelo artigo 258 do mesmo diploma legal, que prevê, para o caso de infração gravíssima, multa de R$ 293,47.  Assim, para o caso da infração de beber e dirigir, a multa é de R$ 2.934,70, que pode dobrar no caso de o infrator já ter sido autuado pela mesma infração anteriormente.

Cabe ressaltar que a conduta também é tipificada como crime, descrito pelo artigo 306 do CTB, com previsão de pena de 6 meses a três anos de detenção, e multa, além da suspensão ou proibição de obter habilitação para dirigir.

⬅ Voltar para o Blog